Tag: Conto de Natal de Auggie Wren

Ainda em clima Natalino, não podemos descartar maravilhosos livros que nos inspiram, e nos tiram muitas risadas com suas histórias fofas, desastrosas e muito aventureiras. Com muito  carinho, escolhemos algumas que com toda certeza despertará seu interesse, confira:

1- Esquecer o Natal: ‘Esquecer o Natal’ conta a história de Nora e Luther Krunk, que planejam fazer um cruzeiro pelo Caribe para fugir do Natal. Escândalo e pasmo gerais, pois moram num bairro chique, onde todo mundo festeja o Natal com todo o brilho que tem a maior festa cristã. Só que, na véspera do embarque, sua filha volta do Peru, impossibilitando o cruzeiro. Em poucas horas, os Krunk são obrigados a improvisar uma festa que exigiria semanas e até meses de preparo. O atropelo é tão grande que o desastrado Luther sobe ao telhado para colocar um homem de neve – feito de plástico – junto à chaminé e acaba caindo lá de cima, sendo salvo por um fio elétrico enrolado ao seu pé. É aí que os vizinhos, que antes zombavam dos Krunk e suas trapalhadas, entram com a amizade e a solidariedade- Google Books.

                      (Créditos/Extra)

 

2- O Expresso PolarNa véspera de Natal, um menino ouve um barulho que vem do lado de fora de casa. Quando ele olha pela janela, descobre que há um enorme trem parado logo em frente; é o Expresso Polar, que irá conduzi-lo numa viagem de sonho e fantasia rumo ao Pólo Norte, residência oficial do Papai Noel. Marcado pela simplicidade da história e pelas magníficas ilustrações de Chris Van Allsburg, O Expresso Polar é um clássico natalino que nunca sai de moda, e que, apesar de ter sido lançado originalmente em 1985 e ter vendido milhões de cópias em todo o mundo, ainda hoje, quase vinte anos depois, é o atual no 1 na lista dos mais vendidos do jornal New York Times. O livro ‘O Expresso Polar’ já conquistou milhares de fãs em todo o mundo, e chega aos cinemas, num filme estrelado por Tom Hanks e dirigido por Robert Zemeckis (o mesmo diretor de Forrest Gump e De volta para o futuro)- Google Books.

              (Créditos/Estante Virtual)

 

3- Conto de Natal de Auggie WrenUm escritor recebe do jornal The New York Times a encomenda de um conto para ser publicado na manhã de Natal. ELe decide aceitar, mas tem um problema: como escrever um conto de Natal que não seja sentimental? Resolve se abrir com o amigo que trabalha na tabacaria do bairro, um personagem pitoresco chamado Auggie Wren, que promete resolver seu problema: em troca de um almoço, vai lhe contar a melhor história de Natal que já ouviu. E é uma história nada convencional a que ele conta, envolvendo uma carteira perdida, uma mulher cega e uma ceia de Natal. TUdo é virado de ponta-cabeça. O Que é roubar? O que é dar? O que é uma mentira? O que é a verdade? Conto de Natal de Auggie Wren é de fato uma história nem um pouco sentimental, mas nem por isso pouco comovente. A Presente edição, em capa dura e com lombada em tecido, traz as ilustrações da premiada ilustradora argentina Isol. O personagem Auggie Wren foi vivido no cinema pelo ator Harvey Keitel em Cortina de fumaça (1995), dirigido por Wayne Wang e com roteiro do próprio Paul Auster, e Sem fôlego (1995), dirigido por Wayne Wang e Paul Auster e com roteiro escrito pelos dois- Google Books.

                         (Créditos/Amazon)

 

4- Natal MortalSétimo romance futurista da Série Mortal, de J.D. Robb (Nora Roberts), a policial Eve Dallas, fiel devota da lei e da justiça, depara-se com mais um misterioso caso para solucionar. Natal Mortal nos oferece uma instigante e curiosa história de homicídio ambientada em uma Nova York do ano de 2058. Em meio às festividades de Natal, um criminoso está à solta, fantasiado de Papai Noel. Será que o presente recebido pela primeira vítima do bom velhinho e a referência à canção “Os Doze Natais” significam que foi apenas o primeiro de muitos assassinatos? Ou teria sido um crime passional? Cabe à tenente Eve Dallas procurar as respostas e desvendar o mistério. Para isso, deverá evitar o envolvimento emocional, ignorar as fraquezas e superar os próprios traumas- Google Books.

                             (Créditos/MC)

 

5- O Natal do CarteiroQuando chega a época de Natal, o Papai Noel não é o único a arrancar os cabelos abarrotado de tantas tarefas. O Carteiro também trabalha em dobro para entregar todos os bons votos e desejos de felicidade – e alguns presentes também. Pois neste livro ele visita alguns personagens de contos de fadas tradicionais para lhes entregar a correspondência natalina – os ursinhos recebem um postal da Cachinhos Dourados; a Chapeuzinho Vermelho ganha do Lobo Mau uma carta com um jogo de tabuleiro; ao Humpty Dumpty chega um cartão com um quebra-cabeça enviado pelos Cavaleiros do Rei; o Homem Biscoito é presenteado com um almanaque e um livrinho de sabedorias; e até o Lobo Mau, mais um que adora o Natal, foi visitado pelo nosso amigo. Mas a grande tarefa do Carteiro nessa época do ano – como ninguém parou para pensar nisso? – é auxiliar a própria família Noel, fazendo chegar à sua fábrica os milhares de pedidos das crianças. Assim, ele também passa por lá, para deixar as suas cartas, e de quebra ainda ganhar um presente, que carteiro também merece. Ao acompanhar a história do Carteiro, as crianças encontram os envelopes recheados de cartas, cartões e presentinhos – como jogos e livros – e aprendem a manter uma tradição milenar que, mesmo com o avanço dos contatos via telefone e principalmente da correspondência eletrônica, nunca perderá a sua função -Google Books.

                 (Créditos/Submarino)

Esperamos que tenham gostado e boa leitura!