A OUTROEU está de volta! Agora com uma novidade: uma academia de astros “TikTok”. Essa é a trama do mais novo lançamento do duo, “Dança”, que chega a todos aplicativos de música nesta quinta-feira, 3 de dezembro, mostrando a saga de Mike e Guto, os nerds, tentando se encaixar no novo mundo das dancinhas. A canção chega junto ao álbum “O Outro é Você” que apresenta mais 7 faixas inéditas, além das quatro já lançadas no EP “Oceana”. O clipe e álbum serão lançados em uma live exclusiva no TikTok na quinta, às 20h30.

“Dança” apresenta o divertido universo do TikTok, aplicativo sensação durante a pandemia, pela visão dos artistas que, em um primeiro momento, buscam se aprimorar nas danças virais do programa em uma academia, mas terminam descobrindo o verdadeiro significado para se destacar neste novo mundo: ser você mesmo.

As coreografias desajeitadas de Mike e Guto nos divertem nos personagens de nerd, ao mesmo tempo que surpreendem quando os cantores surgem em outras funções como: recepcionista, professores de dança e até mesmo os profissionais nos passinhos.

“Dança é uma composição da Lorena Chaves e Marcos Almeida. A gente curte demais essa música e já há um tempinho estamos pensando em colocá-la em um projeto e acho que casou demais com esse álbum em si. Pensamos em um clipe em que mostrasse nossa realidade dentro do TikTok, que até então era um puro desastre! (Risos) Queríamos  mandar bem no app e com as dancinhas não rolavam de jeito nenhum até que entendemos que a gente só precisava ser nós mesmos. E esse é o segredo no final do clipe, ser você mesmo! Mandamos essa ideia pra Belle de Melo diretora do clipe e ela, como sempre, surpreendeu demais a gente com todas as referências, ideias e roteiro. O clipe tá lindo e mega divertido, espero que todos curtam”, revela Guto.

De acordo com a diretora do clipe, Belle Melo da produtora CAVE, o resultado divertido é um reflexo de como foi a gravação. “Criar uma academia especializada em formar Astros Mundiais, com um toque cômico e com vários personagens interpretados por Guto e Mike me permitiu exercitar a imaginação de uma maneira fantástica. Conseguimos unir a estética dos anos 60 à realidade de hoje em dia, com as novas formas de se comunicar, como o TiTok, de uma forma leve e bem divertida”, conta.

“Esse tipo de trabalho, com uma preocupação visível com a estética visual, ligando diretamente roteiro, direção de arte e styling fez com que eu vivesse naquele mundo durante o processo de concepção do clipe, me sinto em casa dessa forma”, completa.

O Outro é Você

A faixa chega a todos aplicativos de música com o novo álbum do duo “O Outro é Você”. Além de dança, o projeto conta com mais sete faixas inéditas que carregam o DNA da OUTROEU.

Propondo a reflexão do Outro é Você, o projeto nos estimula a olhar para dentro, encontrar paz nas nossas buscas internas e entender que cada um do seu jeito único se basta. Sempre profundos em suas letras, o duo mostra que vai além da brincadeira em “Dança”, quando descobrem o verdadeiro segredo do “TikTok”- e da vida-: “ser você mesmo. Encontre seu OUTROEU”.

Na mesma linha, Mike e Guto apresentam as canções “Quero Acordar” e “Milhões de Estrelas” que também exaltam o olhar para o eu interno, na busca do seu lugar no mundo e do amor próprio e a capacidade de perceber o outro mesmo em momento de distanciamento social.

E por falar em amor, o romance, característica intrínseca do duo, não poderia ficar de fora do álbum com as canções “A Resposta”, “Canção de Amor”,  “A tua e eu”, “O Outro é Você” e “Cê sabe”. Completando o projeto, estão as canções já lançadas “Pra Vida Inteira”, “O Mantra”, “Se Perder”, parceria com Ana Gabriela, e “Oceana”, feat com a banda Melim”.

Pintada a mão pela artista Pamela Munhoz, a capa apresenta dois seres no centro que foram impactados criando uma conexão psicológica de sentir o que sentiria o outro. O círculo amarelo ao redor traz a luz e o calor elevando a frequência dos seres, o verde traz a segurança e equilíbrio, enquanto o vermelho marsala conecta a vibração e o entendimento.

“Esse álbum é um resumo de tudo que a gente fez até hoje. Do caminho que a gente tá trilhando na música, das coisas que a gente viu, viveu e foi aprendendo. Do nosso som e das canções também. Parece que é um resumo das músicas com os upgrades que a gente foi conseguindo dar com tempo. Tudo que tava querendo sair, guardado e sendo escrito desde o nosso primeiro álbum até hoje. Com muito carinho” conta Mike.

“A mensagem que o nome trás é sobre empatia e sobre um olhar mais cuidadoso sobre todo mundo que existe além de você. Mas achamos que cada um vai ter o seu próprio impacto ou interpretação com o nome e isso é o mais massa. Esperamos que a mensagem e o álbum “O outro é você” chegue dum jeito massa nos ouvidos de todo mundo que tá chegando e que acompanha a gente à um tempo”, finaliza.

O Conexão POP bateu um papo com os meninos que falaram sobre o processo de criação do álbum e muito mais, confira!

CP: Como foi gravar um álbum no meio da pandemia? 

OUTROEU: O dia da gravação foi muito corrido, nós fizemos todas as cenas porque só tinhamos nos dois para gravar todas as cenas. Mas o clima foi assim, todo mundo meio longe, meio ditante, pra ser direitinho tem que ser assim, né? Mas foi massa, deu pra aproveitar bastante

CP: Rolou algum fato engraçado ou alguma coisa curiosa na produção do álbum que você pode compartilhar com a gente?

OUTROEU: Nossa foram tantas! Muitas coisas marcaram pra mim, o que foi muito massa pra gente foi produzir com o mesmo produtor de cidade negra, Armandinho, tudo que nós costumamos ouvir, foi muito massa produzir com ele. Mas acho que o mais legal que da pra falar, é a nossa turma que ajudou nisso tudo, foi uma energia muito massa, nós inhamos gravado 70% do album antes da pandemia e foi muito legal.

CP: Conta pra gente um pouco sobre o processo de produção desse álbum? 

OUTROEU:A diferença dessa produção para as outras foi tudo! O estudio, a atmosfera, muda tudo. Nosso sonho era se isolar pra gravar um álbum igual às bandas que a gente gostava, tipo Los Hermanos. Nós fomos pra Campinas e nos isolamos com as músicas na mão, mas fomos pra lá pra fazer tudo, foram praticamente 1 mês e pouco e foi um processo que a gente acordava e dormia em cima do estúdio, brincávamos que era nossa casa e acordávamos lá, ficávamos das 10 as dez trabalhando, foi incrível. Um aprendizado muito grande. Foi bem intenso.

CPA capa do álbum é linda! De onde veio a ideia de procurar uma artista para fazer, já conhenciam o trabalho da Pamela Munhoz?

OUTROEU: A gente conheceu o trabalho dela através do Paulinho Novais, 5aseco e ai todos eles em algum momento já fizeram alguma capa com ela, e direto aparecia pra mim as artes dela no Instagram e eu pensava, “nossa que papo é esse? Que capa maneira” e a gente determinou de fazer algumas tradições, nós estamos pensando em colocar sempre alguma ilustração na capa dos nossos EPS, não ei até quando isso vai, mas agora estamos com essa mini tradição, mas foi legal porque achamos a ilustradora mais massa! Ela pintou o quadro e tirou a foto, ficou muito massa.

CP: Agora nós queremos saber qual é a sua faixa preferida e por que?

OUTROEU: Eu e Guto divergimos sobre qual é a faixa favorita, mas agora estamos muito felizes com o resultado. Mas acho que minha apreerida é “Oceana”, “Pra vida inteira” e “Estrelas”, nós somos suspeitas, é como escolher um filho, nós estamos muito felizes com o resultado.

Notícias relacionadas